Alguns países permanecem com restrições. Fique atento as regras das fronteiras dos principais países procurado por brasileiros.

Atualizado em 23/11/2020.


 

Alemanha

Publicado em 23.11.2020 

1. Não é permitida a entrada de passageiros.
Isto não se aplica a:
- Nacionais dos Estados Membros do EEE e da Suíça;
- Cidadãos britânicos;
- passageiros que chegam da Áustria, Bélgica, Bulgária, Croácia, Chipre, Tcheca, Dinamarca, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Islândia, Irlanda (Rep.), Itália, Letônia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Holanda, Noruega, Polônia, Portugal, Romênia, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Suécia, Suíça ou Reino Unido;
- Familiares imediatos de nacionais dos Estados-Membros do EEE e da Suíça;
- Familiares imediatos de cidadãos britânicos;
- Passageiros com autorização de residência emitida por um Estado-Membro do EEE ou pela Suíça;
- Passageiros com visto de longa duração emitido por um Estado-Membro do EEE ou pela Suíça;
- Residentes na Austrália, Canadá, Geórgia, Nova Zelândia, Tailândia, Tunísia e Uruguai. Eles devem estar vivendo no país de residência há pelo menos 6 meses;
- Pessoal militar;
- Marinheiros mercantes;
- Passageiros que viajam como estudantes se não puderem completar seus estudos fora da Alemanha;
- Companheiros solteiros de residentes na Alemanha. Eles devem ter um convite por escrito e uma cópia do documento de identidade do residente na Alemanha. Eles também devem ter uma declaração e ser capaz de apresentar prova de seu relacionamento.
2. Os passageiros podem ser submetidos ao teste de PCR do Coronavírus (COVID-19) e quarentena por 10 dias se estiverem sem o teste. Mais informações podem ser encontradas em  External link opens in new tab or windowinfos-reisende/faq-tests-entering-germany.html

3. Mais informações relacionadas ao Coronavírus (COVID-19) podem ser encontradas em External link opens in new tab or windowhttp://www.bundespolizei.de/Web/DE/04Aktuelles/01Meldungen/2020/03/200317_faq.html
4. Os passageiros podem estar sujeitos a registro antes da partida External link opens in new tab or windowhttps://www.einreiseanmeldung.de/#

 

 

Argentina

Publicado em 12.11.2020
1. Não é permitida a entrada de passageiros até 29 de novembro de 2020.

     - Não se aplica a:

     - nacionais e residentes na Argentina;

     - nacionais e residentes da Bolívia, Brasil, Chile, Paraguai e Uruguai, em viagem como turistas  à Área Metropolitana de Buenos Aires (AMBA).

2. Os voos para a Argentina foram reiniciados.

3. Os passageiros devem preencher uma “Declaración Jurada Electrónica para el ingresso al Territorio Nacional” disponível External link opens in new tab or windowhttp://ddjj.migraciones.gob.ar/app/

4. Os cidadãos e residentes da Argentina estão sujeitos à quarentena por 14 dias.

5. Passageiros com vistos emitidos antes de 17 de março de 2020 devem ter uma carteira de identidade nacional emitida para residentes na Argentina ou um certificado emitido por um consulado da Argentina.

6. Cidadãos residentes na Bolívia, Brasil, Chile, Paraguai e Uruguai devem ter:

       - um atestado médico com resultado negativo no teste PCR para Coronavírus (Covid-19) emitido no máximo 72 horas antes da chegada;

       - um seguro médico com cobertura dos custos de tratamento do Coronavírus (Covid-19).                                        

 

 

Bolívia

Publicado em 25.09.2020
1. Os passageiros devem ter um certificado médico com o resultado negativo do teste PCR Coronavírus (COVID-19) emitido no máximo 7 dias antes da chegada.

 

 

Brasil

Publicado em 06.10.2020
1. Os regulamento de entrada para Coronavirus (COVID-19) foram suspenso em 29 de julho de 2020.

 

 

 

 

Chile

Publicado em 23.11.2020
1. Os passageiros estão autorizados a entrar no Chile via Santiago (SCL).
- Isto não se aplica aos seguintes passageiros, que podem entrar por todos os aeroportos:

- Nacionais e residentes no Chile;

- Pais e filhos de nacionais e residentes no Chile;

- Passageiros com certidão de casamentou ou parceria registrada com nacional e residente no Chile, se a relação for registrada no Chile;

- Cônjuges e companheiros de nacionais e residentes do Chile registrados no exterior com salvo-conduto emitido por consulado do Chile.
2. Passageiros sem atestado médico com teste de PCR SARS-CoV-2 para Coronavírus (COVID-19) negativo, feito por um laboratório aprovado no máximo 72 horas antes da chegada, estão sujeitos à quarentena por 14 dias.
3. Uma "Declaração juramentada para viajantes para prevenir doenças por Coronavírus (COVID-19)" preenchida deve ser apresentada na chegada ou enviada antes da partida em External link opens in new tab or windowhttps://www.c19.cl/formularios.html

 

 

 

Colômbia

Publicado em 06.11.2020
1. Reinicio de voos para a Colômbia.
2. Um “Check Mig” preenchido deve ser apresentado antes da partida em External link opens in new tab or windowhttps://apps.migracioncolombia.goc.co/pre-registro/public/preregistro.jsf 

 

 

 

 

Equador

Publicado em 06.10.2020
1. Os passageiros devem ter o atestado médico com resultado negativo do Coronavirus (COVID-19) emitido no máximo 10 dias antes da chegada.
2. Os passageiros estão sujeitos a exames médicos e auto-quarentena por 14 dias.
3. No momento da chegada deve ser apresentado um "Declaracion de salud del viajero" e um "Formulario migratorio especial" preenchidos.

 

 

 

Espanha

Publicado em 23.11.2020
1. Os passageiros não estão autorizados a entrar na Espanha até dia 30 de Novembro de 2020.
Isto não se aplica a:
- Nacionais e residentes em Espanha;
- passageiros que chegam da Áustria, Bélgica, Bulgária, Croácia, Chipre, Tcheca, Dinamarca, Estônia, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Hungria, Islândia, Irlanda (Rep.), Itália, Letônia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Holanda, Noruega, Polônia, Portugal, Romênia, Eslováquia, Eslovênia, Suécia ou Suíça;
- Residentes de Andorra, Bulgária, Croácia, Chipre, Mônaco, Romênia, São Marino, Cidade do Vaticano (Santa Sé) ou um Estado-Membro Schengen que chegue de um país diferente da Bulgária, Croácia, Chipre, Romênia ou um Estado-Membro Schengen que retorne via Espanha ao seu país de residência;
- Residentes de Andorra, Austrália, Canadá, Geórgia, Japão, Coréia (Rep.), Mônaco, Nova Zelândia, Ruanda, San Marino, Tailândia, Tunísia, Reino Unido, Uruguai ou Cidade do Vaticano (Santa Sé), se vierem do país de residência;
- Passageiros com visto de longa duração emitido por um Estado-Membro Schengen que regressem através de Espanha ao seu país de residência;
- Alunos com convênio médico. Eles estão autorizados a viajar para o país de seus estudos 15 dias antes do início do curso acadêmico;
- Marinheiros mercantes;
- Pessoal militar;
- Familiares imediatos de um nacional de um Estado-Membro da UE que viajem juntos ou viajem para se juntar a um nacional de um Estado-Membro da UE;
- Membros da família imediata de um cidadão britânico viajando juntos ou viajando para se juntar a um cidadão britânico
2. Os passageiros devem preencher um "Formulário de Controle de Saúde FCS" em https: External link opens in new tab or windowwww.spth.gob.es  Um código QR gerado a partir do formulário preenchido deve ser apresentado na chegada.                    

                - Isso não se aplica a passageiros em trânsito.

3. Autorizações de residência e vistos "D" que expiraram entre 17 de dezembro de 2019 e 21 de dezembro de 2020 são aceitos para entrada.
4. Os passageiros estão sujeitos a exames médicos na chegada. Em vigor em 23 de novembro de 2020.

 

 

 

 

Estados Unidos

Publicado em 06.10.2020
1. Passageiros que transitaram ou estiveram na Áustria, Bélgica, Brasil, China (República Popular), República Tcheca, Dinamarca, Estônia, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Hungria, Islândia, Irã, Irlanda (Rep. .), Itália, Letônia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Holanda, Noruega, Polônia, Portugal, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Suécia, Suíça ou no Reino Unido (excluindo territórios ultramarinos fora da Europa), nos últimos 14 dias não são permitidos para entrar e transitar.
-Isso não se aplica a:
- nacionais e residentes permanentes dos EUA;
- cônjuges de nacionais e de residentes permanentes dos EUA;
- pais / tutores legais de um solteiro e menor de 21 anos, nacional ou residente permanente dos EUA;
- O irmão ou irmã solteiro e menor de 21 anos de um cidadão nacional ou residente permanente dos EUA, solteiro e menor de 21 anos;
- O filho / filho adotivo / tutelado de um residente nacional ou permanente dos EUA;
- Passageiros com os seguintes vistos: A-1, A-2, C-1, C-1 / D, C-2, C-3, CR-1, CR-2, D, E-1 (como funcionário de TECRO ou TECO ou membros da família imediata do funcionário), G-1, G-2, G-3, G-4, IR-1, IR-4, IH-4, OTAN-1 por meio da OTAN-4 ou OTAN -6 visto;
- Membros das Forças Armadas dos EUA, cônjuges e filhos de membros das Forças Armadas dos EUA;
- Passageiros com evidências de viagem a convite do governo dos EUA para fins relacionados à contenção / mitigação do Coronavírus (COVID-19);
- Passageiros com documentos emitidos pelo Departamento de Segurança Interna dos EUA, Alfândega e Proteção de Fronteiras dos EUA ou Departamento de Estado dos EUA indicando que o passageiro está isento da restrição;
- Tripulantes B1 engajados em atividades de isqueiro, plataforma continental externa (OCS), atividade de parque eólico, tripulação aérea / marítima privada e outros membros da tripulação ativos semelhantes;
- Estudantes com um visto F-1 ou M-1 e seus dependentes F-2 e M-2, se eles chegaram ou estiveram na Irlanda (Rep.), Reino Unido ou Estados Membros Schengen nos últimos 14 dias.
2. Os passageiros que estiveram em um dos países listados no item 1 nos últimos 14 dias, mas estão isentos da restrição para entrar nos EUA, devem chegar em um dos seguintes aeroportos: Atlanta (ATL), Boston (BOS) , Chicago (ORD), Dallas, (DFW), Detroit (DTW), Ft. Lauderdale (FLL), Honolulu (HNL), Houston (IAH), Los Angeles (LAX), Miami (MIA), Nova York (JFK ou EWR), São Francisco (SFO), Seattle (SEA) e Washington (IAD).
3. Passageiros que estiveram na Áustria, Bélgica, Brasil, China (Rep. Do Povo), Tcheca, Dinamarca, Estônia, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Hungria, Islândia, Irã, Irlanda (Rep.), Itália, Letônia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Holanda, Noruega, Polônia, Portugal, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Suécia, Suíça ou Reino Unido (excluindo territórios ultramarinos fora da Europa) nos últimos 14 dias, mas estão isentos da restrição para entrar no EUA, devem ficar em quarentena por 14 dias assim que chegarem ao destino final.
4. Os passageiros que chegam a Massachusetts devem preencher o "Formulário de Viagem de Massachusetts" em External link opens in new tab or windowwww.mass.gov/forms/massachus-travel-form . Eles estão sujeitos à quarentena por 14 dias.
5. Passaportes emitidos para nacionais da Bielorrússia que tenham expirado entre 30 de abril de 2020 e 31 de julho de 2020 são considerados válidos com uma prorrogação de 3 meses.

6. Os passageiros estão sujeitos às medidas do Coronavírus definidas pelo estado/território do seu destino final. Mais informações podem ser encontradas em External link opens in new tab or windowhttps://www.cdc.gov/publichealthgateway/healthdirectories/healthdepartments.html

 

 

 

 França

Publicado em 11.11.2020
1. Não é permitida a entrada de passageiros.
- Isto não se aplica a:
- Nacionais da França, caso não sejam provenientes da Guiana Francesa ou de Mayotte, e seus cônjuges e filhos;
- Cidadãos britânicos e nacionais de Andorra, Mônaco, San Marino, Suíça, Cidade do Vaticano (Santa Sé) e um Estado membro do EEE, caso não provenham da Guiana Francesa ou de Mayotte; e seus cônjuges e filhos;
- Passageiros chegando de Andorra, Austrália, Canadá, Geórgia, Japão, Coreia (Rep.), Mônaco, Marrocos, Nova Zelândia, Ruanda, San Marino, Suíça, Tailândia, Tunísia, Reino Unido, Uruguai, Cidade do Vaticano (Santa Sé) ou um Estado-Membro do EEE;
- Passageiros com autorização de residência emitida por Andorra, Mónaco, São Marinho, Suíça, Reino Unido, Cidade do Vaticano (Santa Sé) ou um Estado-Membro do EEE, caso não provenham da Guiana Francesa ou de Mayotte;
- Marinheiros mercantes, se não procedentes da Guiana Francesa ou de Mayotte;
- Estudantes se não vierem da Guiana Francesa ou de Mayotte.
2. Passageiros que chegam de Bahrain, Panamá, EUA ou Emirados Árabes Unidos devem ter um certificado médico com resultado negativo no teste PCR para Coronavirus (COVID-19) emitido no máximo 72 horas antes da partida.
- Isso não se aplica a passageiros menores de 11 anos.
3. Passageiros que chegam da Argélia, Brasil, Índia, Israel, Kuwait, Madagascar, Omã, Peru, Qatar, Sérvia, África do Sul ou Turquia devem ter um certificado médico com resultado negativo de teste PCR para Coronavírus (COVID-19) emitido no máximo 72 horas antes da partida. Passageiros sem atestado médico devem fazer o teste na chegada.
- Isso não se aplica a passageiros menores de 11 anos.
4. Um Certificado de Viagem Internacional preenchido deve ser apresentado antes do embarque e da imigração na chegada ou em trânsito pela França. O certificado pode ser obtido nos consulados ou em External link opens in new tab or windowhttps://www.interieur.gouv.fr .
- Isso não se aplica a passageiros que chegam de Andorra, Austrália, Canadá, Geórgia, Japão, Coreia (Rep.), Mônaco, Marrocos, Nova Zelândia, Ruanda, San Marino, Suíça, Tailândia, Tunísia, Reino Unido, Uruguai, Vaticano Cidade (Santa Sé) ou um Estado membro do EEE.
5. Os passageiros devem preencher uma declaração de honra declarando que não apresentam sintomas do Coronavírus (COVID-19).
6. Os passageiros estão sujeitos a quarentena ou isolamento.

 

 

Itália

Publicado em 29.10.2020
1. Não é permitida a entrada de passageiros até o dia 24 de Novembro de 2020.
- Não se aplica a:
- Nacionais da Itália;
- Nacionais e familiares de nacionais de Andorra, Áustria, Bélgica, Bulgária, Croácia, Chipre, Tcheca, Dinamarca, Estônia, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Hungria, Islândia, Irlanda (Rep.), Itália, Letônia, Liechtenstein , Lituânia, Luxemburgo, Malta, Mônaco, Holanda, Noruega, Polônia, Portugal, Romênia, San Marino, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Suécia, Suíça e Cidade do Vaticano (Santa Sé), que não transitaram ou estiveram na Argélia, Armênia, Bahrein, Bangladesh, Bósnia e Herzegovina, Brasil, Chile, República Dominicana, Kosovo (Rep.), Kuwait, Moldávia (Rep.), Montenegro, Macedônia do Norte (Rep.), Omã, Panamá, Peru ou Sérvia no últimos 14 dias;
- Cidadãos britânicos, familiares de cidadãos britânicos e de residentes no Reino Unido, que não tenham transitado ou tenham estado na Argélia, Armênia, Bahrein, Bangladesh, Bósnia e Herzegovina, Brasil, Chile, República Dominicana, Kosovo (Rep. ), Kuwait, Moldávia (Rep.), Montenegro, Macedônia do Norte (Rep.), Omã, Panamá, Peru ou Sérvia nos últimos 14 dias;
- residentes e familiares de residentes em Andorra, Áustria, Bélgica, Bulgária, Croácia, Chipre, Tcheca, Dinamarca, Estônia, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Hungria, Islândia, Irlanda (Rep.), Itália, Letônia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Mônaco, Holanda, Noruega, Polônia, Portugal, Romênia, San Marino, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Suécia, Suíça, Reino Unido e Cidade do Vaticano (Santa Sé), que não transitaram ou estiveram em Argélia, Armênia, Bahrein, Bangladesh, Bósnia e Herzegovina, Brasil, Chile, República Dominicana, Kosovo (Rep.), Kuwait, Moldávia (Rep.), Montenegro, Macedônia do Norte (Rep.), Omã, Panamá, Peru ou Sérvia nos últimos 14 dias;
- passageiros que chegam de Andorra, Áustria, Bélgica, Bulgária, Croácia, Chipre, Tcheca, Dinamarca, Estônia, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Hungria, Islândia, Irlanda (Rep.), Letônia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Mônaco, Holanda, Noruega, Polônia, Portugal, Romênia, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Suécia, Suíça ou Reino Unido;
- residentes da Austrália, Canadá, Geórgia, Japão, Coreia (Rep.), Marrocos, Nova Zelândia, Ruanda, Tailândia, Tunísia e Uruguai que não transitaram ou estiveram na Argélia, Armênia, Bahrein, Bangladesh, Bósnia e Herzegovina, Brasil, Chile, República Dominicana, Kosovo (Rep.), Kuwait, Moldávia (Rep.), Montenegro, Macedônia do Norte (Rep.), Omã, Panamá, Peru ou Sérvia nos últimos 14 dias;
- Passageiros viajando a negócios;
- Passageiros que retornam via Itália para seu país de residência;
- Alunos.
2. Passageiros que transitaram ou estiveram na Argélia, Armênia, Bahrein, Bangladesh, Bósnia e Herzegovina, Brasil, Chile, República Dominicana, Kuwait, Moldávia (Rep.), Macedônia do Norte (Rep.), Omã, Panamá ou O Peru nos últimos 14 dias não está autorizado a entrar e transitar.
- Isto não se aplica a:
- Nacionais de Andorra, Mónaco, São Marino, Suíça, Cidade do Vaticano (Santa Sé) e Estados membros do EEE que residiam na Itália antes de 9 de julho de 2020;
- Cidadãos britânicos que residiam na Itália antes de 9 de julho de 2020;
- Familiares de cidadãos britânicos e de Andorra, Mónaco, São Marino, Suíça, Cidade do Vaticano (Santa Sé) e Estados-Membros do EEE que residiam em Itália antes de 9 de julho de 2020;
- Militares em viagem de serviço.
3. Os passageiros que transitaram ou estiveram em Kosovo (Rep.), Montenegro ou Sérvia nos últimos 14 dias não estão autorizados a entrar e transitar.
- Isto não se aplica a:
- Nacionais de Andorra, Mónaco, São Marino, Suíça, Cidade do Vaticano (Santa Sé) e Estados-Membros do EEE que residiam em Itália antes de 16 de julho de 2020;
- Cidadãos britânicos que residiam na Itália antes de 16 de julho de 2020;
- Familiares de cidadãos britânicos e de Andorra, Mónaco, São Marino, Suíça, Cidade do Vaticano (Santa Sé) e Estados-Membros do EEE que residiam em Itália antes de 16 de julho de 2020;
- Militares em viagem de serviço.
4. Os passageiros estão sujeitos ao auto-isolamento por 14 dias. Uma lista de isenções de quarentena pode ser encontrada em External link opens in new tab or windowwww.esteri.it/mae/en/ministero/normativaonline/decreto-iorestoacasa-domande-frequenti/focus-cittadini-italiani-in-rientro-dall-estero-e-cittadini-stranieri-in-italia.html
5. Passageiros deve apresentar um formulário de autodeclaração preenchido antes do embarque. O formulário pode ser obtido em External link opens in new tab or windowhttps://www.esteri.it/mae/resource/doc/2020/07/modulo_rientro_da_estero_08_07_2020_-_eng_0.pdf
6. Os passageiros que chegam à Sardenha devem apresentar um "Formulário de Declaração de Saúde" preenchido na chegada. O formulário pode ser obtido em: External link opens in new tab or windowwww.sus.regione.sardegna.it/sus/covid19/regimbarco/init  
7. Os passageiros que chegam à Calábria devem apresentar um "Formulário de Declaração de Saúde" preenchido na chegada. O formulário pode ser obtido em External link opens in new tab or windowhttps://home.rcovid19.it/
8. Os passageiros que chegarem à Puglia devem apresentar um "Formulário de Declaração de Saúde" preenchido na chegada. O formulário pode ser obtido em External link opens in new tab or windowwww.regione.puglia.it/web/salute-sport-e-buona-vita/-/riapertura-delle-regioni-regole-per-gli-spostamenti-da-e-per-la-puglia
9. Passageiros chegando em A Sicília deve apresentar um "Formulário de Declaração de Saúde" preenchido na chegada. O formulário pode ser obtido em  External link opens in new tab or windowwww.lasicilia.it/userUpload/moduloregione.pdf
10. Voos da Argélia, Armênia, Bahrein, Bangladesh, Bósnia e Herzegovina, Brasil, Chile, Rep. Dominicana, Kosovo (Rep.), Kuwait, Moldávia (Rep.), Montenegro , Macedônia do Norte (Rep.), Omã, Panamá, Peru e Sérvia estão suspensos.
11. As autorizações de residência emitidas pela Itália que expiraram entre 31 de janeiro e 31 de julho de 2020 são consideradas válidas até 31 de agosto de 2020.

12. Passageiros que transitaram ou estiveram na Croácia, Grécia, Malta ou Espanha nos últimos 14dias:

- Devem apresentar à transportadora, antes da partida, um atestado médico com resultado negativo do teste Coronavírus emitido no máximo 72 horas antes da chegada; ou

- Faça um teste de Coronavírus na chegada ou dentro de 48 horas após a chegada a uma Autoridade de Saúde Local (ASL).

 

 

México

Publicado em 19.06.2020
Um "Cuestionario de indentificacion de fatores de riesgo en viajeros" completo deve ser apresentado à "imigração" na chegada. O formulário pode ser encontrado em External link opens in new tab or windowhttps://afac.hostingerapp.com

 

 

 

Panamá

         Publicado em 20.11.2020

1.       Reinicio dos voos para o Panamá.

2.       Os passageiros devem ter um atestado médico com resultado negativo de PCR para Coronavírus (COVID-19) ou teste de antígeno emitido no máximo 48 horas antes da partida estão sujeitos ao teste de Coronavírus (COVID-19) por conta própria. O certificado deve ser em espanhol ou inglês.

- Isto não se aplica a:

        - Passageiros com passaporte diplomático;

        - Passageiros com Laissez-Passer.

3.       Os passageiros devem preencher uma “Declaracion Jurada de Salud” disponível em External link opens in new tab or windowhttps://tinyurl.com/yxnmhpyg  

4.       As autorizações de residência e os vistos emitidos pelo Panamá que expiraram após 13 de março de 2020 são aceitos para entrada até 31 de janeiro de 2021.

 

 

 

Paraguai

         Publicado em 20.11.2020

1.       Reinicio dos voos para o Paraguai.

2.       Os passageiros devem ter um atestado médico com resultado negativo de PCR para Coronavírus (COVID-19) realizado no máximo 72 horas antes da partida ou estarão sujeitos à quarentena por 14dias.

3.       Os passageiros devem ter um seguro médico internacional com cobertura de custos e tratamento com o Coronavírus (COVID-19);

- Isto não se aplica a cidadãos e residentes da Argentina, Bolívia, Brasil, Paraguai e Uruguai.

4.    Os  passageiros devem preencher uma “informação de saúde do viajante” no máximo 24 horas antes da partida External link opens in new tab or windowhttp://vigisalud.gov.py/webdgvs/page/#vista_viajeros.html. Isto irá gerar um código QR que deve ser apresentado na chegada.

                5.    Os passageiros podem ficar sujeitos à quarentena.

 

 

 

Peru

Publicado em 18.11.2020
1. Os voos para o Peru estão suspensos.
- Isso não se aplica a voos humanitários e de repatriação.

                - Isso não se aplica a voos que chegam de Assunção (ASU), Bogotá (BOG), Cali (CLO), Guayaquil (GYE), La Paz (LPB), Medellin (MDE), Montevideu (MVD), Panamá (PTY), Quito (UIO), Santa Cruz (VVI) e Santiago (SCL).

2. Os passageiros devem fazer um upload em External link opens in new tab or windowhttp://e-notificacion.migraciones.gob.pe/dj-salud/ :

- um resultado do teste antígeno ; ou

- um atestado médico com o resultado negativo no teste RT-PCR do Coronavírus (Covid-19) emitido no no máximo 72horas antes da partida do primeiro ponto de embarque;
- Isso não se aplica a:

- Passageiro com menos de 12 anos, que deve possuir atestado médico de boa saúde.
3. Os passageiros devem instalar e preencher um “Pré-registro de Control Migratorio” em seu dispositivo pessoal antes da partida. External link opens in new tab or windowwww.migraciones.gob.pe/preregistro/. Isso irá gerar um QR que deve ser apresentado na chegada.

 

 

 

Portugal

Publicado em 22.11.2020
1. Não é permitida a entrada de passageiros até 30 de novembro de 2020.
- Não se aplica a:
- Nacionais e residentes em Portugal;
- Passageiros com visto de longa duração emitido por Portugal;
- passageiros que chegam da Argélia, Áustria, Bélgica, Bulgária, Canadá, China (Rep. do Povo), Croácia, Chipre, Tcheca, Dinamarca, Estônia, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Hungria, Islândia, Irlanda (Rep.), Itália , Coreia (Rep.), Letônia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Marrocos, Holanda, Noruega, Polônia, Portugal, Romênia, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Suécia, Suíça, Tunísia e Reino Unido;
- Passageiros provenientes de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe e EUA viajando como estudantes;
- passageiros com autorização de residência emitida pela Áustria, Bélgica, Bulgária, Croácia, Chipre, Tcheca, Dinamarca, Estônia, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Hungria, Irlanda (Rep.), Itália, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Holanda, Polónia, Portugal, Roménia, Eslováquia, Eslovénia, Espanha, Suécia ou Reino Unido, regressando via Portugal ao seu país de residência;
- passageiros com visto de longa duração emitido pela Áustria, Bélgica, Bulgária, Croácia, Chipre, Tcheca, Dinamarca, Estônia, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Hungria, Irlanda (Rep.), Itália, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta , Holanda, Polónia, Portugal, Roménia, Eslováquia, Eslovénia, Espanha, Suécia ou Reino Unido, regressando via Portugal ao seu país de residência.
2. Os passageiros devem ter um certificado médico com um resultado negativo do teste PCR Coronavirus emitido no máximo 72horas antes da partida.
- Isso não se aplica a voos que chegam de Austrália, Áustria, Bélgica, Bulgária, Canadá, China (República Popular), Croácia, Chipre, Tcheca, Dinamarca, Estônia, Finlândia, França, Alemanha, Geórgia, Grécia, Hungria, Islândia, Irlanda (Rep.), Itália, Japão, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Moçambique, Holanda, Noruega, Polônia, Portugal, Romênia, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Suécia, Suíça, Tailândia, Tunísia, Reino Unido ou Uruguai.
- Isto não se aplica a voos de evacuação médica, voos humanitários e de repatriação.
3
. Os passageiros que chegam à Madeira são sujeitos a um teste PCR à chegada se não possuírem um certificado com resultado negativo ao teste PCR Coronavirus (COVID-19) emitido no máximo 72 horas antes da partida. Para mais detalhes, consulte o site External link opens in new tab or windowhttp://www.visitmadeira.pt/en-gb/useful-info/corona-virus-(covid-19)/information-to-visitors-(covid-19) .
5. Os passageiros que chegam aos Açores estão sujeitos a rastreio médico e quarentena caso não possuam certificado com resultado negativo do teste do Coronavírus (COVID-19) emitido até 72 horas antes da partida.
6. Os passageiros que chegam de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe e EUA devem apresentar atestado médico com resultado negativo do teste do Coronavírus (COVID-19) emitido no máximo 72 horas antes da partida.

7. Os passageiros estão sujeitos a exames médicos.

 

 

Reino Unido

Publicado em 13.11.2020

1.       Não é permitido a entrada e trânsito de passageiros que tenham estado ou tenham transitado pela Dinamarca nos últimos 14dias.

- Isto não se aplica a cidadãos britânicos e residentes no Reino Unido.

                2. Os cidadãos britânicos e residentes que chegam da Dinamarca devem apresentar um formulário de localização de passageiros preenchido na chegada. O formulário pode ser encontrado em: External link opens in new tab or windowhttps://www.gov.uk/provide-journey-contact-details-before-travel-uk  

 3. Os passageiros estão sujeitos ao auto-isolamento por 14 dias. Os detalhes podem ser encontrados External link opens in new tab or windowhttps://www.gov.uk/guidance/coronavirus-covid-19-travel-corridors#updates-to-the-travel-corridor-list
 4 . Um "Formulário para Localizador de Passageiros de Saúde Pública" preenchido deve ser apresentado à imigração na chegada. O formulário pode ser obtido antes da partida em External link opens in new tab or windowhttps://visas-immigration.service.gov.uk/public-health-passenger-locator-form

 

 

 

Uruguai

Publicado em 23.11.2020
1. Não é permitida a entrada de passageiros.
- Não se aplica a cidadãos e residentes no Uruguai.
2. Os passageiros não estão autorizados a transitar.
- Não se aplica a nacionais e residentes da Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela em trânsito por Montevidéu ou Punta Del Este.
3. Cidadãos e residentes no Uruguai estão sujeitos ao auto-isolamento por 7 dias.
4. Os passageiros só podem pousar em Montevidéu e Punta del Este.
5. Os passageiros e tripulantes devem ter um atestado médico com resultado negativo no teste PCR do Coronavirus (COVID-19) emitido no máximo 72 horas antes da partida.
- Não se aplica a passageiros menores de 6 anos;

              - Passageiros com carta emitida por um consulado do Uruguai declarando que o passageiro está isento da exigência do teste PCR Coronavírus (COVID-19) antes da partida.

              - O passageiro é submetido a um teste PCR na chegada.            

6. Os passageiros devem ter seguro saúde. Não se aplica a cidadãos e residentes no Uruguai.

                7. Uma “Declaracion de Salud” preenchida deve ser apresentada no momento da chegada. O formulário pode ser enviado online antes da partida:

                 External link opens in new tab or windowhttps://declaracion-viajero.coronavirus.gub.uy/controlfronterizoFront/servlet/com.controlfronterizofrontend.home ou no aplicativo “Coronavirus UY”

                8. Um “Formulário de Fronteira” preenchido deve ser apresentado no momento da chegada.